Por vezes, nossa vontade não é suficiente. Às vezes, por curiosidade e prepotência, podemos machucar a nós mesmos. Não vou dizer que foi ruim, pois não foi. Foi um dos dias mais felizes do meu ano, mas foi ao mesmo tempo desconfortável. O presente? O mais sincero e irônico que eu poderia ter ganhado. Talvez eu preferisse não ter ganhado nada, ou uma coisa bem mais simples: a chance de nunca ter tentado.
Mas eu tentei, juro que tentei. E eu não consigo. Só peço desculpas ao mundo por chorar num canto.

3 pensamentos profundos, hm.

  1. V. Martins on 8 de junho de 2009 15:17

    É. Foi sincero. Você pode ter certeza.

     
  2. Lara ‹з on 8 de junho de 2009 16:24

    tipo, levei um susto ao ver essa mulher ali em cima quando entrei aqui .-.
    -coitada ela é louco fico sabendo *cry*.
    "Às vezes, por curiosidade e prepotência, podemos machucar a nós mesmos" , essa frase cai bem para mim,você poderia ter escrio ela á alguns messes atrás.
    Bom,mas lembre-se que tudo passa,colega . HA.

     
  3. exoticlic.com on 8 de junho de 2009 16:42

    nussa a susan boyle aqui tá thrash ^^

    bem depressivo seu testinho de hoje!

    se encaixa na frase que eu sempre uso "seria comico se não fosse trágico"

     


Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails